Como a ideia de se locomover com um automóvel mudou a história da humanidade

ANÚNCIO

Além de seu uso ter mudado a aparência do planeta, o automóvel surgiu como uma ideia revolucionária de transporte capaz de locomover pessoas há milhares de anos. Iniciando-se no gelo do Ártico em uma parceria entre o homem e um predador, mudou a história da humanidade. 

Antes do boi e do cavalo, os cães do Ártico foram os primeiros motores da humanidade, formando os trenós. Esses cães primitivos eram os lobos cinzentos europeus, ancestral de todos os cães de hoje.

ANÚNCIO

O lobo foi a primeira espécie domesticada por humanos que, ao se adaptar para correr e puxar os trenós, passou a ser criado especificamente para esse propósito. Com o passar do tempo, a representação de deslocamento se espalhou pelas terras geladas. 

Como a ideia de se locomover com um automóvel mudou a história da humanidade
Fonte: (Reprodução/Internet) 

Trenós como forma de sobrevivência

Nas terras árticas, a principal fonte de alimentos para os humanos eram as renas. Porém, eles acompanhavam com dificuldade o animal, tendo em vista que este estava em constante movimento, percorrendo 32 quilômetros por dia em busca de pastos.

Segundo o portal BBC, as descobertas dos arqueólogos na remota Ilha de Zhokhov evidenciaram restos mortais de animais parecidos com um lobo juntamente a fragmentos de madeira. A partir da junção lobo e madeira formou-se o trenó, capaz de acompanhar as renas. 

ANÚNCIO

Mas os trenós só eram úteis no gelo ou na neve, por conta de sua construção com troncos de árvores, sendo que posteriormente, foi necessário invenções da humanidade para que os humanos pudessem se deslocar melhor e por diversos lugares. E uma dessas invenções foi a roda em fusão com o eixo. 

Roda e eixo possibilitaram outros automóveis  

Antes da criação da roda, ela era simulada por troncos de árvores ou outros métodos semelhantes. Porém, os humanos necessitam de mecanismos mais operacionais que facilitasse a locomoção. Com isso, o avanço da ideia foi possível com a criação de uma plataforma fixa que permitia se conectar a roda. 

Com o eixo, é possível fixar a roda em uma plataforma que suporte o peso ao percorrer distâncias. Essa junção coincidiu com os outros meios de transporte, como o cavalo e o boi, permitindo civis viajarem por vários lugares do mundo, desencadeando uma revolução social

“A roda e o eixo mudaram tudo, porque a partir de então mais coisas puderam ser transportadas, por distâncias maiores, com menos esforço”, destaca o arquiteto Danny Forster em entrevista ao portal BBC News. 

ANÚNCIO