Dupla Cidadania Italiana – Passaporte Italiano – Como conseguir?

ANÚNCIO

Não é muito difícil conseguir sua dupla cidadania italiana e passaporte italiano, você só irá precisar saber os passos exatos que precisa realizar. Imigração pelo consulado Italiano é sempre mais devagar que indo a Itália por conta própria.

Saiba quem tem direito, quais os documentos necessários para o processo e quais são os fundamentos legais do direito ao reconhecimento da cidadania italiana.

ANÚNCIO

Passaporte Italiano

Dupla Cidadania Italiana - Passaporte Italiano - Como conseguir?

Com certeza ter um passaporte italiano ajuda muito as coisas. Ter direitos de um Europeu nos dá muito benefícios como por exemplo, entrada no EUA sem visto, seguro desemprego, trabalho em qualquer país que faz parte da União Européia, imigração para outros países facilitada, ajuda do governo pra compra de casa, sustento de filhos e muito mais.

Documentos para Dupla Cidadania Italiana

A Constituição italiana reconhece como cidadãos os filhos de pai ou mãe italianos, o que significa dizer que a cidadania italiana tem por fundamento o princípio juris sanguinis, ou seja, é estreitamente ligada ao fato da pessoa ser descendente direto de cidadão italiano ou direito a dupla cidadania italiana.

Do Italiano:

ANÚNCIO
  • Nascimento-casamento e óbito
  • Após obter estes documentos podemos ajudá-lo a pedir a CNN, certidão negativa de naturalização de Brasilia. Documento este obrigatório

Do Filho ou Filha do Italiano Certidões:

  • Nascimento-casamento e óbito se for o caso

Do neto do Italiano:

  • Nascimento-casamento e óbito

Do Bisneto do Italiano :

  • Nascimento-casamento e óbito se for o caso

Do Tataraneto se for o caso:

  • Nascimento e casamento se for o caso
  • Se tiver filhos  obrigatoriamente precisarão do nascimento deles

Dupla Cidadania Italiana, quem tem direito?

Bisavô -> Avô -> Pai Numa linhagem masculina o bisneto ou bisneta sempre terá direito.
Bisavô -> Avô -> Mãe A cidadania é transmitida pela Mãe caso o filho ou filha tenha nascido após 1 de janeiro de 1948.
Bisavô -> Avó -> Pai ou Mãe A cidadania é transmitida da Avó ao Pai ou Mãe caso este (Pai ou Mãe) tenham nascido após 1 de janeiro de 1948 e destes ao requerente.
Bisavó -> Avô ou Avó -> Pai ou Mãe A cidadania é transmitida pela Bisavó ao Avô ou Avó caso este (Avô ou Avó) tenha nascido após 1 de janeiro de 1948, e destes aos seus descendentes até o requerente.

A consequência mais direta do princípio juris sangunis é o fato de não importar, para efeitos de reconhecimento da cidadania, absolutamente, o local de nascimento da pessoa, mas sim, as suas origens.

Assim, nascidos na Itália, no Brasil, ou em qualquer outro país do mundo, os descendentes de cidadãos italianos, também chamados oriundi, são cidadãos italianos, não importando há quantas gerações tenha a família deixado a Itália.

É justamente o direito de ter reconhecida a cidadania italiana que nós, oriundi, pleiteamos através da prática de cidadania, seja ela feita na Itália, seja ela feita no Brasil. Vale dizer que a cidadania, neste caso, retroage à data de nascimento do aspirante, pois o direito à mesma não é concedido pelo Governo Italiano, mas apenas reconhecido para todos os efeitos.

Para mais informações visite: http://www.wikicidadaniaitaliana.com/

Do Italiano :
Nascimento-casamento e obito
Apos obter estes documentos podemos ajuda-lo a pedir a CNN,certidao negativa de naturalizacao de Brasilia.Documento este obrigatorio.

Do Filho ou Filha do Italiano Certidoes :::
Nascimento-casamento e obito se for o caso

Do neto do Italiano:
Nascimento-casamento e obito

Do Bisneto do Italiano :
Nascimento-casamento e obito se for o caso

Do Tataraneto se for o caso:
Nascimento- E casamento se for o caso
Se tiver filhos-Obrigatoriamente precisarao do nascimento deles.
ANÚNCIO