Veja fotos de Jessi Combs, a mulher piloto que morreu para pesquisar um recorde

Disputas de velocidade

Veja fotos de Jessi Combs, a mulher piloto que morreu para pesquisar um recorde
Fonte: (reprodução/internet)

Além de ser dublê, Combs começou a participar de competições off-road e a frequentar eventos de velocidade. Dentre as suas atuações, a pilota já participou da Baja 1000 e do King of Hammers, tradicionais eventos norte-americana que misturam corridas no deserto e trilhas.

ANÚNCIO

Em 2016, Jessi estabeleceu com sucesso o seu próprio recorde, atingindo 768 km/h, uma marca que lhe rendeu a mulher mais rápida do mundo em um quadriciclo. Claro que, com um desejo constante de superar isso, ela não ia ficar por isso mesmo. Então, ela buscou alcançar o reconhecimento do recorde feminino absoluto de 825 km/h, estabelecido em 1976 por Kitty O’Neil.