Confira 13 dicas para liberar espaço na cozinha

A cozinha é aquele ambiente que pouca gente dá atenção quando vai reformar uma casa ou quando vai mudar para o apartamento novo. Porém, uma cozinha apertada ou sem espaço pode ser algo bem chato para o dia a dia. Por isso, vale a pena considerar essas dicas. 

ANÚNCIO

Criamos o texto pensando em cozinhas pequenas, o que sugere que é preciso ter muita criatividade para conseguir colocar tudo naquele ambiente. Mas, você consegue. E para isso é que trouxemos as seguintes dicas, que foram citadas por vários designs de interiores.

1 – Use as paredes

A primeira dica talvez seja a mais óbvia de todas: as paredes. Mas, é importante retomar isso porque nem todo mundo nota que elas podem ser muito bem aproveitadas. E nós podemos provar isso com prateleiras, nichos e até mesmo ganchos. Isso otimiza demais o espaço.

Foto: (reprodução/intenret)

Se você não sabe muito bem por onde começar, então, considere pensar em facilidades e utilidades. Por exemplo, seria mais prático para você, durante o dia a dia, deixar o pote de temperos próximo à pia? Então, que tal fazer um furo ali para pendurar esses objetos?

2 – Use prateleiras inteligentes

Você quer ver só uma coisa que nunca ninguém pensa? Sabe aquele cantinho que sempre sobre entre a pia, a geladeira, o armário, as portas ou qualquer espaço? Então, você pode criar ou pedir para alguém fazer uma prateleira inteligente. Mas, o que seria isso? Calma que a gente explica tudo!

Foto: (reprodução/intenret)

É uma prateleira que geralmente fica em pé. Ela tem rodinhas e dá para puxar ou levar ela para qualquer lugar rapidamente. Assim, ela fica “guardadinha” nesse canto que não está sendo usado no momento. Quando for usar, basta você puxar ela e depois voltar para o lugar.

3 – Os armários

São muitas as dicas sobre os armários de cozinha, certo? A primeira é sobre comprar aqueles sob medida, que vão usar o espaço todo da sua cozinha. Isso otimiza o ambiente. Mas, na verdade, esse tópico é para falar de outra coisa.

Foto: (reprodução/intenret)

Sabia que dá para usar aquele espaço em cima do seu armário? Ele sempre sobre, né. Então, uma boa ideia é colocar ali instrumentos, equipamentos, acessórios, potes ou outros objetos que você usa com menos frequência. Afinal, ele vai ficar em um lugar menos acessível.

4 – As divisórias 

Agora vem aqui uma dica de ouro para quem precisa liberar espaço na cozinha. Se o seu armário fica sempre apertado, jogado e bagunçado, a ideia é simples: use divisórias para organizar. Elas podem ser pequenas hastes ou uma tábua mais fina, por exemplo. Há divisórias próprias para cozinhas também.

Foto: (reprodução/intenret)

Isso permite que você organize melhor e consiga colocar dentro do armário de cozinha muito mais do que imagina. Entenda: a questão tem a ver com a organização. Essas divisórias podem até ser mini prateleiras dentro de prateleiras maiores, por exemplo. Use a criatividade. 

5 – Invista em cestos

Sabe aquela coisa de organização que acabamos de mencionar? Então, os cestos organizadores não servem apenas para guardar os brinquedos das crianças ou os seus pertences pessoais, viu. Na cozinha, eles também possuem muita utilidade. 

Foto: (reprodução/intenret)

Um exemplo é o cesto que guarda os perecíveis como pães e biscoitos. Ou aquele que pode armazenar vários potes dentro dele. Tem outros que guardam pratos e assim por diante. Eles podem ser de vários materiais, inclusive, recicláveis e ecológicos. 

6 – Invista em utilidades 

Mais uma dica de ouro essa daqui. Você já parou para pensar que toda cozinha tem a sua própria decoração, certo? O que muda entre uma e outra é a forma com que esses objetos decoradores são usados. O ideal é que você pense em “eficiência” nessa hora.

Foto: (reprodução/intenret)

Por exemplo, uma xícara de café ou de chá pode ser muito bela, mas será um desperdício de espaço se ela for apenas um enfeito e não poder ser usada. Entende? O mesmo vale para todos os outros objetos. Então, decoração sim, mas utilidade também. 

7 – Os potes

Essa é uma dica que parece ter efeito contrário, mas não tem. Se você vai no mercado e joga tudo embaixo do seu armário, isso é um erro. Você ocupa espaço e nem sempre se lembra do que tem lá. A dica é organizar os pacotes abertos em potes que sejam do mesmo padrão.

Foto: (reprodução/intenret)

Assim, os potes podem ser organizados entre si, o que facilita no uso do dia a dia, além de que você não deixa o alimento passar do prazo de validade. Quanto ao espaço, os potes atuais podem ser encaixados uns nos outros, o que é uma ótima saída para cozinhas pequenas. 

8 – As panelas

Sem dúvidas que a gente teria um tópico só para elas, certo? Geralmente, as panelas são divididas em tamanhos. Pode ser um jogo com 10, com 5 ou só uma dupla. O que importa é que nenhuma é do mesmo tamanho da outra, certo?

Foto: (reprodução/intenret)
  • O mais comum é que panelas fiquem embaixo da pia;
  • A organização se dá conforme o tamanho delas, da maior para a menor;
  • As frigideiras ficam separadas e as tampas também podem ser sobrepostas.

Por isso, a dica é bem simples: coloque uma dentro da outra. O único trabalho vai ser retirar todas do armário para escolher a que você vai usar. Só que no fim das contas isso otimiza um espaço que é muito significativo. O mesmo vale para tampas, por exemplo. 

9 – Os talheres

Eles são menores e podem ficar bem próximos uns dos outros. Por isso, muita gente acha que talheres não ocupam espaço. Só que a verdade não é bem assim na prática. Os talheres também merecem o seu tempo de organização e arrumação. 

Foto: (reprodução/intenret)

Então, nada como ter repartições dentro das gavetas onde eles serão armazenados. Elas podem ser de materiais e tamanhos diferentes. Inclusive, vale a ideia de pensar em separar por tipo para que eles se encaixem mais perfeitamente e ocupem menos espaço.

10 – O galheteiro

Você sabe o que é um galheteiro? É aquele lugar que serve para guardar os vidros de azeite, de óleo, de vinagre e tudo mais que tem esse formato de garrafa. Aqui, o conceito é simples: eles possuem dimensões diferenciadas e ter um galheteiro ajuda demais no armazenamento.

Foto: (reprodução/intenret)

Para quem vai solicitar um armário de cozinha planejado, esse galheteiro pode ser incluído no projeto. Já para quem não vai fazer um armário assim, a ideia mais bacana pode ser a de comprar prontos, já que existem em vários tamanhos e modelos.

11 – Os aramados

A gente já falou aqui de usar bem as paredes e os espaços internos dos armários. E nesse tópico a ideia é a mesma. Porém, queremos dar foco para outro quesito: os aramados, que são arames decorados para cozinhas, que servem para pendurar objetos de cozinha.

Então, eles podem ser posicionados dentro dos armários, próximos à pia ou em paredes. É ótimo para dar uma vida para aquele espaço morto que você tinha ali, em algum lugar da sua cozinha. Até mesmo porta-temperos podem ser de aramados.

12 – A bancada

Chegando ao fim do texto, uma dica minimalista, sabe? A bancada deve ser estar o mais vazia possível. É claro que durante o preparo de um almoço em família, isso quase não acontece. Porém, em outros momentos sim. Mas, por que a bancada influencia no espaço?

Na verdade, trata-se de uma questão de design mesmo. Apesar de não ter influência direta no espaço, essa “bagunça” na bancada dá uma impressão de que não há mais espaço para nada ali, o que nem sempre é verdade. Então, bancada limpa e vazia, combinado?

13 – Os organizadores

E o último tópico também tem a ver com um tipo de produto especifico, os organizadores de cozinha. Talvez você não os encontre em qualquer loja. Porém, com a internet é possível encontrar aquele modelo ideal para a sua cozinha e o espaço que ela tem.

Foto: (reprodução/intenret)

Tem organizadores de canto de parede, tem aqueles que são para enlatados, tem os de xícaras, os que ficam em pé sob a pia e muito mais. Um bom exemplo é o organizador de alumínio de canto de parede, ele quebra um galho e tanto em cozinhas pequenas. 

Curiosidade: sempre há excessos em cozinhas

Para terminar o texto de uma vez por todas, saiba que a maioria dos profissionais que atuam com interiores de ambientes afirmam que sempre há desperdícios de objetos, de decoração ou mesmo de espaços em cozinhas. É como se não houvesse necessidade de tanto, entende? Veja exemplos reais:

  • Frigideira de Waffles;
  • Espremedor de Limão;
  • Tesoura para Ervas;
  • Martelo de Carne;
  • Fatiador de Abacate;
  • Pinça de Churrasqueira;
  • Bico Escorredor de Panelas;
  • Protetor de Dedos;
  • Separador de Ovos;
  • Máquina de Fazer Pães;
  • Garfo com Cortador de Pizza.

Então, uma boa ideia é você pensar nisso a partir dos tópicos que mencionamos acima. Inclusive, essa é uma hora boa para você fazer aquela limpeza geral em itens que não usa mais. Por exemplo, aqueles vidros ou facas ou temperos que estão ali, você usa com frequência?

ANÚNCIO